Copa do BR: Flamengo arranca empate diante do Grêmio


Apontadas como duas das melhores equipes do país, Grêmio e Flamengo atenderam as expectativas dos torcedores e fizeram um dos grandes jogos da temporada na Copa do Brasil. O empate por um a um não resolveu a vida de ninguém, mas os cariocas saíram de Porto Alegre com gostinho de vitória. Isso porque o gol rubro-negro só saiu aos 48 do segundo tempo. O resultado deixa tudo em aberto para o jogo da volta, marcado para o próximo dia 15, no Maracanã.

O tricolor gaúcho foi melhor na primeira parte e dominou as ações. As triangulações curtas e movimentação rápida permitiam ao Grêmio chegar na meta defendida por Diego Alves. E foi de um ex-jogador do Fla que começou a jogada do gol dos anfitriões. Léo Moura pegou a bola no lado direito, cortou para o meio e tabelou com Ramiro. O lateral chegou à linha de fundo e cruzou na medida para Luan, que bateu no canto, sem chances para o goleiro: um a zero.

Após o intervalo, com paciência, o Flamengo teve quase 70% de posse de bola e buscou o empate a todo custo. Foram 11 finalizações contra nenhuma do adversário. E um jogador que tem apresentado bom futebol foi o responsável por alimentar o ataque rubro-negro: Éverton Ribeiro. O camisa 7 foi protagonista mais uma vez e iniciou a jogada que resultou no gol de empate. Já nos acréscimos, lançou Renê em profundidade. O lateral esquerdo bateu para o meio da área e encontrou Lincoln, que só empurrou para as redes. Comemoração à la Mbappé e igualdade no marcador: um a um.

Sem vantagem para nenhum dos lados, o jogo da volta, que acontece daqui duas semanas, no Rio de Janeiro, ganha contornos de decisão, já que não há mais o critério do gol marcado fora de casa. Quem vencer, avança para a semifinal. Novo empate, por qualquer placar, leva a decisão para os pênaltis.

Quem saiu em vantagem por uma vaga nas semifinais da Copa do Brasil foi o Corinthians, que venceu a Chapecoense por um a zero, em São Paulo. O gol da vitória alvinegra foi do paraguaio Romero, que desandou a marcar após a Copa do Mundo. No duelo de volta, em Chapecó, o Timão joga pelo empate.

O técnico Cuca estreou com derrota no Santos. Na Vila Belmiro, o novo técnico do Peixe viu seu time perder por 1 a 0 para o Cruzeiro, gol de Raniel. O jogo de volta será no dia 15, no Mineirão. O Santos precisará vencer por dois gols de diferença para se classificar. Se vencer por um, a decisão será nos pênaltis.

Pela Copa Sul-Americana, o Botafogo foi até o Paraguai e perdeu por dois a um para o Nacional. Os gols foram marcados por Santacruz e Vieyra, enquanto Luiz Fernando descontou para os cariocas. O resultado pesou ainda mais o clima em General Severiano, já que o técnico Marcos Paquetá foi demitido após a partida. Com a derrota, o Botafogo terá que vencer no Nilton Santos, no próximo dia 16. Quem avançar, pega Bahia ou Cerro Porteño-URU nas oitavas de final do torneio.

Nesta quinta-feira (2), tem mais bola rolando. Pela Copa do Brasil, o Bahia recebe o Palmeiras em busca de vaga inédita na semifinal. O confronto marca a estreia da comissão técnico de Luiz Felipe Scolari no Alviverde.

Na Sul-Americana, dois brasileiros entram em campo esta noite. Às sete e meia, o São Paulo encara Colón, da Argentina. Mais tarde, às nove e quarenta e cinco, o Fluminense joga diante do Defensor, do Uruguai, no Maracanã.

Por Redação GN | Fonte: ARM
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: