Grávida tenta impedir briga e morre esfaqueada no RJ


Uma mulher grávida de quatro meses morreu esfaqueada pelo ex-cunhado, na última quarta-feira (13), durante uma briga de família, em Cosmos, na Zona Oeste do Rio. O suspeito foi à casa da vítima conversar com a ex-companheira. Após um desentendimento com ela, o homem esfaqueaou Lavini Knupp Ramos, 20 anos, que morreu na hora, a mãe e a irmã dela, Lorrana Knup, 22 anos.

"Lavini chegou a me mandar uma mensagem dizendo que ia na delegacia porque o ex da Lorrana estava 'caçando confusão' na casa da mãe. A Lavini tentou defender a irmã e a mãe na confusão e discutiu com ele. Ninguém sabia que ele estava com um faca. Ele partiu para cima dela e deu cinco facadas. Ela estava grávida de quatro meses", contou, ao Extra, Luana, a outra irmã da vítima.

Ainda segundo a reportagem, Lavini é mãe de duas meninas, uma de 2 anos, que estava na casa no momento do crime, e outra de 4. De acordo com a Polícia Civil, um inquérito foi instaurado na 35ª DP (Campo Grande). Lavini foi enterrada, nesta sexta-feira, às 17h, no Cemitério de Campo Grande, na Zona Oeste.

Por Redação GN | Fonte: Notícias Ao Minuto
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: