Trump declara estado de calamidade na Califórnia


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou estado de calamidade pública na Califórnia por conta do incêndio que atinge o sul do estado há cerca de um mês. O intuito da medida é que o governo federal auxilie o estado a recuperar as áreas afetadas. É o que explica o professor do Departamento de Ecologia da UnB, Bráulio Ferreira de Souza Dias.

“Este é o maior incêndio que já ocorreu na Califónia. A declaração do estado de calamidade permite o repasse dos recursos federais, do governo federal para o governo estadual e para as municipalidades que foram atingidas. Então isto facilita todo o trabalho de reconstrução.”

Os incêndios tiveram início no dia 4 de dezembro de 2017 e ainda continuam ativos. Segundo o professor do Departamento de Ecologia da UnB, neste estágio que o incêndio está, é muito difícil de ser apagado.

“Nestas condições, é praticamente impossível de apagar. Você tem um material combustível, uma vegetação muito inflamável, que passou por cinco anos de seca e recebeu, neste mês de dezembro, os ventos chamados de Santana, que são ventos extremamente fortes e secos. Estes ventos saem do deserto e chegam na região costeira passando pelos vales, por entre as montanhas e vai queimando tudo pela frente. E é muito difícil de pagar estes incêndios.”

Segundo o relatório publicado pelo Departamento Florestal e de Proteção Contra Incêndios da Califórnia, o incêndio já se alastrou por mais de 113.967 hectares.

Por Redação GN | Fonte: AR
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: