Cinco pessoas morrem carbonizadas em trágico acidente na BR-381


As vítimas do acidente ocorrido na manhã desta quarta-feira (1º), no contorno rodoviário da BR 381, em Timóteo, foram identificadas.

Conforme servidores da Prefeitura de Central de Minas, no Vale do Rio Doce, o carro levava cinco pessoas que tinham compromissos na área da saúde, em Belo Horizonte.

Entre as pessoas que morreram estão a Secretária de Cultura, Marlene Rodrigues de Arruda Pereira, e o filho dela, Pedro Alves Pereira, que tinha problemas neurológicos e fazia tratamento médico em Belo Horizonte.

Ele tinha consulta marcada na capital mineira nesta quarta-feira. O condutor do carro foi identificado como Carlos Alexandre Dias, lotado como motorista da Secretaria de Saúde de Central de Minas.

A Prefeitura de Central de Minas confirma que mais duas pessoas estavam no carro: a idosa Tomásia Machado de Andrade e a acompanhante dela, Sirlei Andrade de Malpera.

O grave acidente registrado na manhã desta quarta-feira (1), no contorno rodoviário da BR-381, próximo à ponte sobre o Rio Piracicaba, deixou cinco pessoas mortas.

Após bater de frente com um caminhão baú, com placas de Barra de São Francisco (ES), o carro da Prefeitura de Central de Minas pegou fogo. Equipes do Corpo de Bombeiros Militar de Ipatinga, Coronel Fabriciano e Timóteo se deslocaram para o local.

O acidente aconteceu nas proximidades da divisa entre Timóteo e Coronel Fabriciano. As primeiras informações indicam que veículo rodou na pista molhada e chocou-se com um caminhão baú, que trafegava no sentido contrário.

O carro de passeio pegou fogo e todos os ocupantes morreram carbonizados. A Polícia Militar de Central de Minas confirmou que o veículo era da prefeitura local e saiu da cidade com três pessoas, o motorista da ambulância da prefeitura, identificado como Carlos Alexandre Dias, a Secretária de Cultura, Marlene Rodrigues de Arruda Pereira, e o filho dela, Pedro. O motorista do caminhão foi socorrido com ferimentos leves.

Por Redação GN | Fonte: Recôncavo News
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: