Ataque terrorista deixa 12 policiais mortos no Níger


Um grupo terrorista realizou neste sábado (21) um ataque contra um quartel no Níger e matou 12 agentes em Ayourou, a 180 quilômetros de Niamey e perto da fronteira com o Mali. As informações são da Agência EFE.

Um policial de Niamey, que não quis se identificar, informou que o atentado aconteceu no início do dia. Segundo ele, os terroristas, que teriam vindo do Mali, dispararam indiscriminadamente contra o quartel durante quase duas horas, matando 12 militares e deixando quatro feridos. Os autores da ação fugiram de carro.

Logo depois, o Exército lançou uma operação de rastreamentos aéreo e terrestre em busca dos criminosos, mas ainda não há informações sobre se algum deles morreu.

Um morador da região disse por telefone que ação se estendeu até às 9h da manhã e não descartou a possibilidade de haver vítimas civis, já que sábado é dia de feira e a cidade fica cheia de pessoas de localidades vizinhas.

Até o momento, nenhum grupo reivindicou a autoria do ataque, mas a suspeita é de que o ato tenha sido cometido por grupos jihadistas que atuam no Mali.

O ataque de hoje acontece menos de três semanas depois da emboscada montada por um grupo terrorista contra uma missão militar mista dos Estados Unidos e do Níger no departamento de Ouallam,  que terminou com nove mortos.

Por Redação GN | Fonte: Agência Brasil
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: