Cantor sertanejo é preso em operação contra falsificação de cigarros


A operação "Sem filtro", deflagrada pela polícia civil na manhã desta quarta-feira (20), acabou por envolver um nome conhecido na nova música sertaneja. O cantor Rafael Francisco Frare de Siqueira, da dupla Fábio e Rafael, foi preso em Londrina em uma operação contra a falsificação de cigarros. Segundo informações do G1, ao todo 35 mandados judiciais estão sendo cumpridos em cidades do Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

O cantor estava em um prédio de luxo no momento em que foi detido pela polícia. O ônibus da dupla também foi apreendido durante a operação, que investiga os crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro e contra a saúde pública.

Entre as ordens judiciais, 16 são de prisão e 19 são de busca e apreensão, cumpridas em fábricas de cigarro, gráficas, residência dos investigados e uma empresa utilizada para lavagem de dinheiro. A Polícia Civil já teria solicitado o sequestro de R$ R$ 6,5 milhões dos bens do suspeito de chefiar a quadrilha, além de 19 veículos utilizados pela organização criminosa. Também foram bloqueadas pela Justiça seis contas bancárias - duas delas pertencentes a empresas.

Por Redação GN | Fonte: Notícias Ao Minuto
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: