Rafaela Silva dá adeus na primeira luta do Mundial em Budapeste


A atual campeã olímpica Rafaela Silva foi eliminada em sua primeira luta no Mundial de judô, nesta quarta-feira (30), em Budapeste. A brasileira perdeu da portuguesa Telma Monteiro, medalhista de bronze no Rio-2016.

Telma conseguiu, em um contra-golpe, pontuar por wazari. Rafaela respondeu com uma chave de braço, mas a portuguesa resistiu e venceu a disputa, avançando às oitavas de final.

Foi a primeira luta de Rafaela com o backnumber (informação de nome e país que consta no quimono) dourado, por causa do título olímpico. Foi também o primeiro Mundial dela após o ouro no Rio. Visivelmente chateada após a derrota, Rafaela deixou o tatame sem falar com os jornalistas.

O dia foi ruim também para o outro brasileiro no tatame. Marcelo Contini encarou o georgiano Lasha Shavdatuashvili e se despediu também na primeira rodada após levar três punições, o que resulta em desclassificação do combate – o georgiano havia levado duas.

Eliminados da disputa individual, Rafaela e Contini voltam a competir por equipes no dia 3 de setembro.

O Brasil terá três judocas em ação na quinta-feira (31): o medalhista de bronze em Astana 2015 Victor Penalber (81kg); o estreante em Mundiais Eduardo Yudi (81kg); e a medalhista olímpica em Pequim 2008 Ketleyn Quadros (63kg).

Por Redação AEC | Fonte: Correio24h/Esportes
Compartilhe no G+

Editor Chefe: GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do Portal GN; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor da mensagem.

0 comentários: