Copa do BR: Fla e Bota se enfrentam por vaga na final; Grêmio tenta chegar na final pela nona vez


Será com um estádio do Maracanã lotado que Flamengo e Botafogo decidirão nesta quarta-feira, às 21h45, no Rio, qual será o representante carioca na final da Copa do Brasil. Nesta terça-feira, o clube rubro-negro informou que todos os 44 mil bilhetes colocados à venda para a sua torcida foram vendidos - restavam alguns para os botafoguenses. A mobilização é grande porque o duelo foi marcado pelo equilíbrio no jogo de ida e o placar em branco faz do clássico desta quarta um jogo sem favoritos.

Pelo critério do gol qualificado, o Botafogo tem a vantagem de jogar por um empate com gols para ir à sua segunda final da competição - um novo 0 a 0 leva para os pênaltis. Mas o técnico Jair Ventura descarta qualquer favoritismo. "A vantagem seria se tivéssemos vencido a partida de ida, mas não conseguimos. Não vejo vantagem. Vejo um jogo totalmente aberto", disse o treinador. "Tudo pode acontecer. Vamos buscar o equilíbrio. Se conseguirmos um gol, ficaremos ainda mais vivos".

O treinador terá desfalques. O zagueiro Joel Carli e o atacante Rodrigo Pimpão estão suspensos, enquanto que o meia Leandrinho se recupera de lesão. Marcelo e Guilherme deverão ganhar as posições.

Do outro lado, o Flamengo vai animado pelo novo ambiente no clube. Após a chegada do técnico colombiano Reinaldo Rueda, o time encerrou a série de resultados ruins - segurou o empate no jogo de ida e voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. O maior problema é contornar o grande número de ausências no time.

O goleiro Alex Muralha está suspenso, enquanto que o titular Diego Alves - assim como o meia Éverton Ribeiro - não estão inscritos na Copa do Brasil. Na lateral esquerda, Renê sentiu lesão, enquanto que o atacante peruano Guerrero, que se recupera de lesão na coxa direita, tem poucas chances de atuar.

"É importante não forçar. Ele tem muita motivação, mas é uma decisão para avaliar quanto tempo pode estar no campo", disse Reinaldo Rueda. "Vamos considerar isso, mas é difícil determinar quanto tempo. Vai ser um jogo intenso e vai ser determinante a intensidade que se joga para ter o tempo de participação".

Reinaldo Rueda não confirmou o time. Com os desfalques, Thiago volta ao gol, enquanto que Rodinei deve ser o lateral direito. Na esquerda, a tendência é pelo peruano Trauco - mas o técnico não descartou usar Pará na função. Felipe Vizeu ganha mais uma chance no ataque.

Os dois treinadores elogiaram os rivais. "É um adversário maduro e em bom momento. Está muito focado e obediente taticamente. Eles têm como sair para buscar o jogo ou esperar e sair fortes no contra-ataque. Temos que jogar porque eles podem apresentar as duas opções", comentou Reinaldo Rueda. "Nós respeitamos a forte equipe do Flamengo. Se tiver empate, que seja com os gols, sem ir para os pênaltis. Temos que tentar resolver nos 90 minutos", destacou Jair Ventura.


Maior vencedor da Copa do Brasil, o Grêmio busca chegar na decisão do torneio pela nona vez em sua história. O adversário será o Cruzeiro nesta quarta-feira (23), às 21h45, no Mineirão.

Como venceu o jogo de ida por 1 a 0, a equipe gaúcha joga por um empate para avançar à final. Já o time mineiro necessita ganhar por dois gols de diferença.

No ano passado, os clubes se enfrentaram também pela semifinal da competição. Na oportunidade, o Grêmio venceu fora de casa e empatou em seu estádio.Os treinadores não confirmaram as escalações para o duelo. Mano Menezes tem dúvidas na lateral direita, no meio de campo e no ataque.

Do lado direito, a disputa é entre Lucas Romero, que se recupera de uma entorse no tornozelo direito, e Ezequiel, enquanto Lucas Silva e Hudson brigam pela vaga do meio de campo. Raniel e Rafael Sóbis são opções para o setor ofensivo.

Já o Grêmio não poderá contar com o zagueiro Geromel, um dos principais destaques da equipe, que está machucado. Bressan deve ser o substituto. A dúvida de Renato é no meio de campo, entre Maicon e Arthur.

"A gente tem que esquecer essa pequena vantagem, que vai ser usada na hora certa. O Grêmio vai jogar da mesma forma que jogou em todas as competições", disse Renato em entrevista.

CRUZEIRO

Fábio; Lucas Romero (Ezequiel), Leo, Murilo e Diogo Barbosa; Hudson (Lucas Silva), Henrique e Robinho; Thiago Neves, Alisson e Rafael Sóbis (Raniel). T.: Mano Menezes

GRÊMIO

Marcelo Grohe; Edílson, Bressan, Kannemann e Bruno Cortez; Michel, Maicon (Arthur), Ramiro, Luan e Pedro Rocha; Barrios. T.: Renato GaúchoEstádio: Mineirão, em Belo Horizonte

Horário: 21h45 desta quarta

Juiz: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)

TV: Globo (RS e MG), Fox Sports 2 e SporTV 2


Por Redação AEC | Fonte: Com informações da Folhapress
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: