Chuck Norris sofre dois ataques cardíacos no mesmo dia e sobrevive


O ator americano Chuck Norris, de 77 anos, sobreviveu após sofrer duas paradas cardíacas em um intervalo de 47 minutos. De acordo com o site americano Radar Online, em julho, o astro conhecido pelos filmes de ação teve o primeiro ataque cardíaco em um hotel no estado de Nevada, nos Estados Unidos. Ele foi reanimado por médicos no local e levado para um hospital próximo. Ao chegar na unidade de saúde, o ator sofreu um segundo infarto, mas também sobreviveu. Segundo o site, o susto aconteceu no início de julho, e Norris já está em casa, recuperado. De acordo com a publicação, tudo aconteceu na volta de uma viagem a Las Vegas, a capital americana dos cassinos, em Nevada.

O astro e sua família voltavam de carro para casa, no estado vizinho da Califórnia. Como a viagem é longa, eles decidiram passar a noite num hotel. De madrugada, Norris passou mal e teve a primeira parada cardíaca. Já internado no hospital, sofreu uma segunda parada cardíaca. Ele conseguiu ser reanimado e sobreviveu, sendo liberado para casa alguns dias depois. "Isto teria matado facilmente a maioria dos homens, inclusivamente os mais jovens, mas Chuck Norris está em óptima forma física. Tudo aconteceu muito rápido. Pensamos que ele estaria morto duas vezes em 47 minutos", revelou uma fonte ao site.

De acordo com a publicação, tudo aconteceu quando o ator e a sua família voltavam de carro de Las Vegas, onde participava de um Campeonato Mundial de Artes Marciais, até Chester, na Califórnia, onde residem. Durante a viagem, eles decidiram parar em um hotel para passar a noite. Os ataques cardíacos aconteceram depois o ator participou dos Campeonatos Mundiais da United Fighting Arts Federation, em Las Vegas, no dia 16 de julho. Por volta das 5h30 da manhã do dia 18 de julho, Chuck entrou em colapso com dores no peito enquanto tomava banho no hotel. Segundo o site, a emergência foi acionada e, quando os médicos chegaram, correram com o ator pelo cassino em uma maca levaram para uma ambulância que já esperava. 

Por Redação GN | Fonte: Jornal Extra
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: