Volêi: Brasil perde da França e fica com vice-campeonato da Liga Mundial


A Seleção Brasileira teve adiado o sonho do décimo título da Liga Mundial de vôlei. Com um público espetacular de 23.500 torcedores, em um ambiente propício para uma grande festa na Arena da Baixada, em Curitiba, a equipe verde-amarela encontrou um adversário duro: a França superou a pressão e venceu por 3 a 2, parciais de 21/25, 25/15, 25/23, 19/25 e 15/13.

Com o resultado, o Brasil mantém o jejum de títulos na Liga Mundial – não vence a competição desde 2010, apesar de ainda ser o maior campeão. Foi a quinta derrota seguida em uma decisão da competição. O País também amargou o vice-campeonato em 2011, 2013, 2014 e 2016.


Foi a primeira competição brasileira sob o comando do técnico Renan Dal Zotto, que manteve a base da conquista da medalha de ouro dos Jogos Olímpicos do Rio. Ele tem a dura missão de suceder a vitoriosa passagem do lendário Bernardinho na equipe.

A França comemora o segundo título na Liga Mundial. Em 2015, os europeus haviam faturado o título com uma vitória na final contra a Sérvia, coincidentemente também em território brasileiro, no Rio de Janeiro. Além disso, os Bleus vingam as eliminações diante do Brasil no ano passado, na semifinal da própria Liga Mundial e na primeira fase dos Jogos Olímpicos de 2016.

Preliminar na Arena da Baixada

Antes da emocionante final, o Canadá – derrotado pelo Brasil na semifinal – conquistou o terceiro lugar da Liga Mundial com uma vitória sobre os Estados Unidos. O placar do jogou terminou em 3 sets a 1, parciais de 18/25, 25/20, 25/22 e 25/21.

Por Redação AEC | Fonte: Gazeta Esportiva
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: