Novo aumento de impostos não é descartado pelo governo Temer


O governo do presidente Michel Temer (PMDB) não descarta mais aumentos em tributos no Brasil — como o mais recente no PIS/Cofins sobre combustíveis. Apesar de afirmar que "no momento" não aplicará outras elevações, a equipe econômica evidencia necessidades. As informações foram divulgadas pela revista Exame.

Segundo a publicação, os ministros da Fazenda e do Planejamento, Henrique Meirelles e Dyogo Oliveira, respectivamente, justificaram as medidas na intenção de cumprir a meta fiscal de déficit de R$ 139 bilhões. Na Argentina, Temer afirmou que vai dialogar. “Estamos atentos, a equipe econômica está atenta a isso apenas para esse aumento. Não sei se haverá necessidade ou não, mas naturalmente haverá diálogo e observações sobre isso”, disse.

Por Redação GN | Fonte: Agências
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: