Dono de circo é detido por furtar energia para iluminar 'King Kong'


Um dono de circo foi detido nesta sexta-feira (14) em Porto Nacional (TO) por suspeita de furtar energia para abastecer um 'King Kong' de 11 metros de altura. O homem precisou pagar uma fiança de R$ 2,5 mil para ser liberado.

De acordo com o G1, a gestão chegou a pedir uma ligação temporária de energia para a Energisa Tocantins, mas, segundo a polícia, a previsão de gasto era muito inferior ao que foi consumido de fato.

Conforme uma previsão de empresa de energia, o prejuízo pode ter chegado a R$ 6 mil. A Delegacia Especializada na Repressão a Furtos praticados contra Concessionárias Prestadoras de Serviços Públicos está investigando o caso.

Por Redação GN | Fonte: Notícias Ao Minuto
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: