Série A: Corinthians goleia e lidera sozinho; Santos ganha e Palmeiras perde outra


Para quem duvida da força do Corinthians, atual campeão paulista, é bom respeitar um pouco mais. O Timão foi até são Januário e venceu o Vasco da Gama, por 5 a 2, nesta quarta-feira à noite, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O Santos jogou mal, mas venceu o Botafogo, por 1 a 0, enquanto o Palmeiras – virou rotina – perdeu de novo, desta vez para o Coritiba, por 1 a 0.

SOZINHO NA FRENTE
A vitória do Corinthians no Rio de Janeiro o deixou com 13 pontos, na liderança isolada. O Vasco sofreu sua segunda derrota seguida (tinha perdido para o Grêmio por 2 a 0) e continua com seis pontos, em 13.º lugar.

A surpresa é o vice-líder Coritiba, com 12 pontos, depois da vitória em casa em cima do Palmeiras, que está sendo um fracasso no comando de Cuca. O Verdão só tem quatro pontos, em 16.º lugar,e pode terminar a rodada na zona de rebaixamento.

Palmeiras está por baixo no Brasileirão. Só tem quatro pontos e pode terminar quinta rodada na zona de rebaixamento.

Palmeiras está por baixo no Brasileirão. Só tem quatro pontos e pode terminar quinta rodada na zona de rebaixamento


PEIXE NO SUFOCO
No Pacaembu, o Santos jogou muito mal diante do cansado Botafogo e ganhou com um gol no final marcado por Vitor Ferraz. O Peixe, sem Dorival Júnior e sob os olhares de Levir Culpi, tem seis pontos, em 12.º lugar, enquanto o time carioca permanece com sete pontos, em sétimo lugar.

GALO TAMBÉM SOFRE
Outro time em baixa é o Atlético Mineiro. Em casa, na Arena Independência, sofreu para fazer 1 a 0 sobre o Avaí.
O Galo chegou aos seis pontos, em 15.º, contra apenas quatro do Avaí, em 17.º, abrindo a zona de rebaixamento.

PRIMEIRA DE LUXA
No Recife, na Ilha do Retiro, enfim, Vanderlei Luxemburgo conquistou sua primeira vitória na frente do rubro-negro.

Lutou muito e superou o Flamengo, por 2 a 0, atingindo os sete pontos, em nono lugar. O Flamengo continua com seis pontos, em 14.º.

Por Redação AEC | Fonte: Agência Futebol Interior
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: