Senadores recorrem do arquivamento do pedido de cassação de Aécio


O líder da Rede Sustentabilidade (Rede) no Senado, Randolfe Rodrigues (AP), protocolou nesta terça-feira (27) no Conselho de Ética da Casa um recurso contra a decisão do presidente do colegiado, senador João Alberto (PMDB-MA), de arquivar a representação que pede a cassação do mandato do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG).

Também assinaram o recurso os senadores João Capiberibe (PSB-AP), José Pimentel (PT-CE), Pedro Chaves (PSC-MS), Lasier Martins (PSD-RS) e Antônio Carlos Valadares (PSB/SE), membros titulares do conselho. O regimento do Senado estabelece que os requerimentos que contestam decisões monocráticas devem ter ao menos cinco assinaturas.

A secretaria do Conselho de Ética afirmou que vai convocar uma reunião do colegiado com 48 horas de antecedência para a votação do recurso apresentado pela Rede. Caso o plenário rejeite o recurso, a representação contra Aécio Neves será arquivada definitivamente. Caso contrário, a representação será admitida automaticamente e o presidente deverá notificar o tucano para apresentar defesa prévia no prazo de 10 dias úteis.

Por Redação GN | Fonte: Agências
Compartilhe no G+

Editor Chefe: GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do Portal GN; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor da mensagem.

0 comentários: