Após demissão, dançarina processa Anitta e reivindica direitos trabalhistas


Dany Possidonio, ex-dancarina da cantora Anitta, reivindica na Justiça direitos trabalhistas depois de ser demitida pela funkeira, em agosto de 2016. Segundo informações do jornal Extra, a ação corre na 42ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro. A bailarina alega que prestou serviços para o balé de Anitta durante seis anos, sem ao menos ter um contrato assinado.Conforme a ex-funcionária da artista, a demissão ocorreu após uma discussão por divergência de opinião. Dany contou ao jornal que sempre foi muito amiga da cantora, mas com o desentendimento acalorado teria sido dispensada no mesmo dia. Como aviso prévio, ela ainda cumpriu agenda de shows por um mês. A primeira audiência já deveria ter acontecido, porém Anitta não foi encontrada pelo oficial de Justiça em sua residência. Uma nova data deverá ser agendada para prosseguimento do processo.


Por Redação GN | Fonte: BN/Holofote
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: