Adolescente tem dedos da mão dilacerados após explosão de corisco


Na noite desta sexta-feira (12) um garoto de 13 anos teve parte dos dedos da mão direita dilacerados após a explosão de um corisco, em Cruz das Almas. Tudo teria acontecido na quadra poliesportiva que fica próxima a sede dos Escoteiros, entre as ruas Ângelo José Vieira e Manoel Vilaboim (antiga Baixinha da Vitória).

O acidente envolvendo fogos de artifício é o primeiro caso registrado esse ano faltando um pouco mais de 30 dias para o início oficial dos festejos juninos, no município.

Levado em um carro particular para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), o adolescente permanecia consciente quando foi transferido por uma equipe do SAMU para o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSJ). Familiares da vítima disseram ao #ForteNaNotícia que os médicos do Regional vão avaliar a necessidade de transferência do paciente para o Hospital Geral do Estado (HGE). O estado de saúde dele é estável.

De acordo informações de testemunhas, momentos antes da explosão do artefato que foi confeccionado pelo próprio adolescente com a utilização de um tubo de PVC, a mãe teria insistido para o filho não tocasse o corisco.

Por Redação GN | Fonte: Forte na Notícia
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: