Suspeito de 14 estupros é condenado a 83 anos de prisão


Neste sábado (1º), o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) divulgou dados de um processo movido pelo Ministério Público do Estado (MP-BA) contra Gessé Silva dos Santos, que ficou conhecido como "Tarado da Paralela". Ele foi condenado a 83 anos e seis meses de prisão, acusado de cometer 14 estupros e outros crimes em Salvador.

A sentença foi expedida na última segunda-feira (27), na 4ª Vara Criminal de Salvador, pelo juiz Anderson de Souza Bastos. De acordo com a denúncia, Gessé cometeu os crimes durante o segundo semestre de 2009. Ele também é apontado como autor de dois homicídios ocorridos em Salvador e no município de Entre Rios.

O suspeito está preso desde o dia 18 de novembro de 2009 e, conforme decisão do TJ-BA, o cumprimento da pena, inicialmente em regime fechado, vai ficar a cargo da Vara de Execuções Penais de Salvador, e deve levar em consideração o período em que o réu cumpriu prisão provisória. Ele admitiu a autoria dos estupros e contou que abordava as vítimas com uma arma.

Por Redação GN | Fonte: Metro1
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: