Libertadores: Santos e Atlético-MG tropeçam; Grêmio e Bota decidem liderança nesta quinta (20)


O dia não foi bom para os clubes brasileiros na Copa Libertadores da América nesta quarta (19). O Atlético Mineiro perdeu a primeira na competição ao cair para o Libertad por 1 a 0, no Paraguai. Enquanto o Santos ficou no empate sem gols diante do Santa Fe, na Colômbia. Ambos os jogos foram válidos pela terceira rodada.

O resultado deixou o Peixe na liderança do embolado Grupo 2, com cinco pontos, um na frente do próprio Santa Fe e do The Strongest. O lanterna é o Sporting Cristal, com dois.

Apesar da derrota, o Galo é ainda o primeiro colocado do Grupo 6, com quatro pontos, mesma pontuação de Godoy Cruz e Libertad. O Sport Boys aparece em último, com um.

TEM MAIS...
Atual campeão da Copa Libertadores, o Atlético Nacional está próximo de protagonizar um vexame e ser eliminado ainda na fase de grupos. Nesta quarta-feira, em duelo disputado na cidade de La Plata, na Argentina, o time colombiano perdeu o seu terceiro jogo na competição ao ser derrotado pelo Estudiantes por 1 a 0, em duelo válido pela terceira rodada do Grupo 1.

Em três jogos disputados, assim, o atual campeão não somou qualquer ponto. E, na última posição da chave, vai precisar vencer as suas três partidas restantes e torcer por uma combinação de resultados para avançar às oitavas de final. A chave é liderada por Botafogo e Barcelona, de Guayaquil, que têm seis pontos e se enfrentam nesta quinta-feira, no Equador. Já o Estudiantes soma três.

Embora tenha alcançado a condição natural de favorito após vencer o torneio em 2016, o Atlético Nacional perdeu seus principais jogadores como o centroavante Borja e o meia Guerra, para o Palmeiras, e o atacante Berrío, para o Flamengo. Assim, não conseguiu repetir as boas atuações.

E, nesta quarta-feira, em partida que reunia os times que não tinham somado nenhum ponto no grupo, a equipe colombiana foi superada por 1 a 0, com um gol marcado pelo atacante Javier Toledo ainda no primeiro tempo. Depois, não teve forças para reagir e se aproximou da eliminação.

TEM MAIS BRASILEIROS
Botafogo e Grêmio decidirão nesta quinta-feira a liderança dos seus grupos na Copa Libertadoras da América. Jogando no Equador, a definição de Jair Ventura e companhia será contra o Barcelona no estádio Monumental, às 21h45. Já os gaúchos viajam para o Paraguai medir suas forças com o Guarani no Defensores Del Chaco, em Assunção, às 19h30. Os dois jogos são válidos já pela 3ª rodada, que fecha este “primeiro turno”.

Brigando pela liderança do Grupo 1, Barcelona de Guayaquil e Botafogo aparecem com seis pontos cada, empatados em todos os critérios de desempate. O jogo no Monumental decidirá quem continua com 100% de aproveitamento e permanece na liderança. Os brasileiros vem para o jogo completamente descansados, já que nem voltaram para o Brasil após a vitória contra o Atlético Nacional e ficaram na Colômbia e foram direto para o vizinho.


A situação é muito parecida no Grupo 8, em que Grêmio e Guarani aparecem com seis pontos cada. A diferença é que o time brasileiro tem uma ligeira vantagem no critério de desempate, com um a mais no gol pró – igualados no saldo de gols. O vencedor adianta e muito a classificação para a próxima fase, mesmo restando mais três rodadas para o início das oitavas de final.

Nos outros dois jogos desta quinta, o Independiente de Medellin recebe o Melgar no estádio Atanasio Girardor, às 21 horas. Os times sonham com a classificação no Grupo 3, com o time da casa sem nenhum ponto, contra três do adversário. No Grupo 6, com quatro pontos, o Godoy Cruz recebe o Sport Boys, com apenas um, no estádio Mundialista Mendoza, às 19h30.

Por Redação AEC | Fonte: Agência Futebol Interior
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: