PM é confundido com bandido, e colegas dão 15 tiros no carro dele em Lauro de Freitas


O soldado da Polícia Militar baleado dentro do próprio carro em Lauro de Freitas foi atingido por colegas da 81ª CIPM ao ser confundido com um criminoso, segundo informações da delegada que investiga o caso.

Quinze disparos atingiram o carro. Segundo a delegada, o policial ferido passa bem e continua sob avaliação médica. O PM baleado é lotado na Base Comunitária de Segurança (BCS) de Itinga.

De acordo com o G1, a vítima estava acompanhada de um amigo, um civil, quando foi abordada por policiais do serviço de investigação da PM, que não utilizam carro plotado e nem uniformes. Ao perceber que um tiro havia sido disparado no veículo, a vítima pensou que fosse um assalto e arrastou o carro.

Por meio de nota, a PM detalhou que o soldado baleado contou que pensou se tratar de bandidos e não reconheceu os colegas. Na tentativa de fuga, o policial desmaiou ao bater o carro, momento em que o amigo pegou a arma do soldado, saiu do veículo e disparou contra os policias, por também acreditar que eram bandidos.

Como os policiais da 81° CIPM também pensaram se tratar de criminosos, eles atiraram contra o homem e o veículo. Ao aproximar-se, a guarnição reconheceu o colega e prestou socorro.

Por Redação GN | Fonte: FN
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: