Amistoso: Vitória da Amizade e que deixa o Brasil como líder de ranking; veja o gol


Num jogo em que o resultado era o que menos importava, o Brasil venceu a Colômbia, por 1 a 0, no Estádio Nilton Santos, o Engenhão, no Rio de Janeiro. O amistoso foi agendado para arrecadar fundos e ajudar ás famílias das vítimas do trágico acidente com a delegação da Chapecoense no final do mês de novembro do ano passado.

Mas por que a Colômbia? Os colombianos foram essenciais no resgate dos corpos e sobreviventes do voo que levava a Chapecoense para a decisão da Copa Sul-Americana diante do Atlético Nacional. O país inteiro se solidarizou com a tragédia e criou um laço muito forte com o Brasil. Um encontro de duas nações que ficaram em luto por pessoas que tiveram seus sonhos interrompidos.

O duelo festivo contou com um ritual todo especial, principalmente após a entrada das duas Seleções em campo. Jogadores de Brasil e Colômbia se intercalaram para cantar os hinos nacionais, além de terem trocado flores no centro do gramado. Antes da bola rolar, um minuto de aplausos às vítimas do trágico acidente da Chapecoense.

LÍDER NO RANKING
Com a vitória desta noite, o Brasil também alcançou, após sete anos, a liderança do ranking de Seleções da Fifa. O resultado também fortaleceu ainda mais o trabalho que vem sendo realizado pelo técnico Tite. São sete jogos invicto à frente do Brasil.

O JOGO
O início do jogo foi bastante movimentado. Diego Souza foi a principal armada da Seleção Brasileira. Num dos lances, aos 5 minutos, ele encontrou William Arão, que teria ótima chance de tocar para Robinho abrir o placar. Mas a Colômbia respondeu rápido. Aos seis, Borja arriscou de longe, mas a bola desviou na zaga e foi para fora.

Empurrado pela torcida nas arquibancadas, o Brasil voltou a assustar aos 14 minutos, quando William Arão aproveitou bola rebatida na área e quase acertou o canto do goleiro colombiano. Dudu foi bastante acionado em campo e também mostrou seu valor. Aos 26, ele fez ótimo passe para Lucas Lima, que parou no goleiro adversário.

Após ser pressionada, a Colômbia conseguiu encaixar boa troca de passes e quase abriu o placar no Engenhão. Aos 34 minutos, Uribe recebeu cruzamento e acertou a trave do goleiro Weverton. No rebote, Borja não conseguiu completar. Jogo mais movimentado e com chances para os dois lados ao final dos primeiros 45 minutos.

No segundo tempo a bola entrou. Logo no primeiro minuto, Fagner cruzou na área e Diego Souza cabeceou para defesa do goleiro González. No rebote, o baixinho Dudu testou para as redes. Atrás no marcador, a Colômbia precisou sair mais para o jogo e aos seis minutos tentou o empate em boa cobrança de falta de Bocanegra. Novamente Weverton estava lá para defender.

As duas Seleções diminuíram o ritmo e o confronto ficou sem muita movimentação. Voltou a ganhar emoção aos 37 minutos, quando Gustavo Scarpa cobrou falta com perigo e acertou a rede pelo lado de fora. Teve torcedor no estádio que gritou gol, tamanho o perigo da finalização do meia do Fluminense.

Antes do apito final, aos 43, a Colômbia quase conseguiu o gol de empate. Após confusão na área, Berrío ficou com a bola na pequena área e chutou para fora. Ótima chance desperdiçada.

Veja o gol

                

Por Redação AEC | Fonte: Agência futebol Interior / Vídeo: iPalmeirense101
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: