Uso constante do jeans pode fazer mal à saúde; entenda


O jeans foi criado por volta do ano de 1792, na França, usado principalmente por trabalhadores de campo e marinheiros italianos, por conta de sua alta durabilidade. Ao ingressar mais tarde nos Estados Unidos, começou a se popularizar e hoje é peça comum nos looks.

Com sua popularização também vieram os mais diversos modelos, tipos e cores. Porém, quanto mais se tenta ajustar as calças ao corpo para agradar a diversos públicos, mais apertadas elas se tornam e isso pode trazer malefícios ao organismo.

De acordo com o site Fatos Desconhecidos, quem usa calça apertada dificulta a passagem do sangue e o grau da celulite pode evoluir. Além de acentuar essas regiões, os movimentos ficam prejudicados. Sendo assim os músculos ficam sobrecarregados podendo causar sensação de formigamentos, ardência e excesso de peso.

A pressão do jeans nas pernas também podem causar o surgimento das temidas varizes, pois as veias se dilatam e se deformam. Isso pode causar dores e inchaços.

A respiração também pode ser prejudicada, pois o oxigênio circula de forma irregular pelo corpo apertado. Isso pode causar estresse, ansiedade, além de atrapalhar a concentração.

Quando muito apertadas, as calças fazem pressão no estômago, atrapalhando a digestão, sendo capazes de causar azias e refluxos.

Elas também podem aumentar a umidade e calor, permitindo o surgimento de fungos e bactérias nas regiões íntimas de homens e mulheres.A

s peças são fundamentais para compor os looks, mas não esqueça que antes de tudo você precisa lembrar que sua saúde vem em primeiro lugar. Portanto, escolha o tamanho certo e arrase!

Por Redação GN | Fonte: Notícias ao Minuto
Compartilhe no G+

GN OnLine

Os comentários não representam a opinião do GN Online; a responsabilidade é única e exclusivamente do autor do comentário.

0 comentários: